Cerca 4,2 mil suzanenses atualizaram do cadastro habitacional

Mais de 4,2 mil suzanenses realizaram a atualização do cadastro habitacional do programa “Minha Casa, Minha Vida”, do governo federal. Organizada pela Prefeitura de Suzano-SP, por meio da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Habitação, a primeira etapa da campanha ficou disponível em plataforma on-line no site da municipalidade (www.suzano.sp.gov.br) em dois períodos – de 22 de maio a 23 de junho (abertura) e de 20 a 31 de julho (reabertura). O recadastramento teve o objetivo de mobilizar mais de 18 mil famílias que se inscreveram em programas de moradia popular entre os anos de 2009 e 2016, conforme informado pela gestão anterior.

Segundo o titular da pasta de Planejamento Urbano e Habitação, o arquiteto Elvis José Vieira, durante o primeiro período da etapa de recadastramento (22 de maio a 23 de junho), 2.995 atualizações foram efetuadas. Já na reabertura, disponível de 20 a 31 de julho, mais 1.258 pessoas confirmaram seus dados, totalizando 4.253 atualizações:

“Tivemos adesão de pelo menos 22% do número total estipulado pela gestão anterior. Além de conseguirmos ‘peneirar’ e atualizar, este processo permitiu que mutuários devidamente inscritos entre 2009 e 2016 tivessem a oportunidade de participar dos programas de moradia popular oferecidos pela União”, explicou o secretário da gestão do prefeito Rodrigo Ashiuchi.

Vieira lembra, ainda, que a campanha, assim como a reabertura, foi necessária, visto que o atual governo herdou uma planilha com uma série de falhas, falta de informações, além de vários Termos de Ajuste de Conduta (TACs) que não foram cumpridos, deixando de beneficiar quem realmente precisa de moradia popular:

“A ideia foi atualizar este número, para que a administração municipal chegasse a um diagnóstico fiel quanto à parte da demanda da política habitacional de Suzano. Com este procedimento, estamos conseguindo reorganizar o banco de dados, além de torná-lo mais eficaz, transparente e justo no momento de contemplar as famílias cadastradas”, declarou o gestor.

 

Edital 

A Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Habitação adiantou que, até 7 de agosto (segunda-feira) será publicado um edital com os nomes inscritos no cadastro habitacional atualizado e que serão submetidos à aplicação de critérios federais, estaduais e municipais, segundo prevê o Ministério da Cidades – Sistema Nacional de Cadastro Habitacional.

Segundo Vieira, há 2,2 mil unidades habitacionais em Suzano destinadas a programas de moradia popular do “Minha Casa, Minha Vida”:

“Nosso compromisso é com a redução da demanda existente. Deixo claro que tudo está sendo feito com transparência e atenção, além de rigor. Queremos deixar no passado os questionamentos acerca da política habitacional de Suzano”, finaliza.

ARTICULISTAS

 

After you have typed in some text, hit ENTER to start searching...